IMAGEN_competencia.png

Nos negócios convencionais, analisar a concorrência é um exercício importante para conhecer melhor o mercado e saber como estar bem posicionado nele. Da mesma forma, conhecer quem são seus concorrentes no momento de entrar no universo digital te ajudará a definir as estratégias que irão te diferenciar e melhorar seu posicionamento.

Como já falamos aqui, o primeiro passo para construir sua identidade digital é buscar por você no Google. Desta forma, será possível conhecer o que o paciente encontra quando digita seu nome na Internet. Analisar a sua concorrência consiste em um exercício muito similar:

Neste caso, você deve se colocar na pele do paciente e pesquisar palavras-chave que eles buscariam caso estivessem procurando pelo seu consultório ou seus serviços. Em seguida, analise os principais resultados.

icono-1-150x150.png

Busque palavras-chave:

Imagine que você é um dermatologista em São Paulo. Você pode começar sua análise realizando buscas por Dermatologista São Paulo, ou Consultório dermatológico São Paulo. Também pode realizar buscas mais específicas, como Dermatologista acne São Paulo. Seja criativo e explore todas as possibilidades que te ocorram. Busque especialmente as palavras-chave pelas quais gostaria que seus pacientes, ou possíveis pacientes, te encontrassem, e observe os primeiros resultados: seu objetivo é estar posicionado entre eles. Aproveite a sua especialidade médica e se foque neste nicho. Desta maneira, você deixará de competir com um grupo tão amplo e se concentrará em um segmento mais específico. Os nichos de mercado geram menos buscas, mas a conversão é maior.

Tome seu tempo para analisar em profundidade as páginas que aparecem com mais destaque no resultado de cada busca. Atente-se ao que estão fazendo estes especialistas e aproveite para ter ideias e pensar como pode se diferenciar deles.

Observe os anúncios que aparecem em cada busca:

dermatologista-sao-paulo-1.png

As buscas no Google se dividem em resultados patrocinados (SEM) e resultados orgânicos (SEO). Os anúncios são resultados patrocinados que aparecem nas primeiras posições, destacados como tal. Atente-se às palavras-chave utilizadas para criar estes anúncios.

icono-medir-medico.png

Analise a sua concorrência:

Identifique os concorrentes que aparecem com mais destaque no Google - você pode limitar-se entre três e cinco - e analise-os a fundo. Ao visitar o site de seus concorrentes, tenha em conta estes aspectos:

  • A experiência que ele oferece no site é um elemento chave para a satisfação e conversão dos usuários. Ele tem uma página fácil de navegar? Seus contatos e experiências estão em destaque, sendo fácil encontrá-los? Ele oferece a possibilidade de marcar uma consulta direto pelo site? Uma interface clara e amigável será determinante para o paciente continuar no site ou abandoná-lo rapidamente.
  • Atente-se às informações. Por exemplo: que dados oferece este especialista sobre ele e sobre seu consultório? Ele indica suas especialidades, tem uma sessão para responder dúvidas, informa preços, horário de atendimento e os convênios que atende?
  • Busque conteúdos diferenciados: se o seu concorrente publica artigos ou mantém um blog, vale à pena analisar este conteúdo, a frequência e o formato com que eles são publicados. Observe também se ele complementa este conteúdo com outros elementos, como infográficos educativos, vídeos, widgets, etc. Dê atenção especial aos posts que têm mais likes, comentários ou que foram mais compartilhados nas redes sociais para identificar o que interessa ao paciente. Saber como criar conteúdo é importante para agregar valor ao site, gerar confiança e melhorar a sua imagem e reputação como especialista.

Saiba como ter um site barato e eficaz para seu consultório.


Além de ter um site, é possível que seus concorrentes mantenham perfis nas redes sociais. Observe em quais ele está e como é seu comportamento nestes espaços.

  • Analisar a atividade de sua concorrência nas redes sociais pode te dar muitas ideias para saber o que funciona e o que não. Atente-se à quantidade e à frequência com que participam.
  • Observe os tipos de conteúdo que são compartilhados. Trata-se de conteúdo próprio? Publicam informações de outros sites e especialistas? Imagens e vídeos?
  • Atente-se a como interagem com os usuários: se promovem conversas, que linguagem utilizam, quanto tempo demoram para responder e o que dizem os Internautas sobre ele. São detalhes que podem fazer a diferença.
  • Não se esqueça dos números: veja quantos seguidores, likes e compartilhamentos recebem as publicações e também se eles investem em conteúdos patrocinados, isso é, pagos. Isso te ajudará a avaliar a efetividade de todo o trabalho.
icono-escribir-medico.png

 

Em resumo: por que é importante conhecer sua concorrência:

  • Atrairá mais pacientes: uma boa análise da sua concorrência pode te ajudar a construir uma presença mais competitiva, melhor posicionada e produzir conteúdos mais atrativos à sua audiência. Além disso, facilitará que os pacientes cheguem até você.
  • Terá uma visão geral de que se oferece na Internet sobre a sua especialidade. Conhecer o mercado de maneira global é essencial para definir a sua estratégia, avaliar seu posicionamento atual e como melhorá-lo.
  • Aprenderá com erros e acertos e saberá em que investir e o que evitar.

Se você gostou desse artigo, compartilhe-o em suas redes sociais!